Dicas para se tornar um profissional de sucesso



Vivemos em um mundo em plena transformação no qual a informação, a tecnologia e o conhecimento avançam e se desenvolvem rapidamente. Neste momento, o profissional de sucesso deve fazer uma atualização quase que diária sobre seus conhecimentos e sobre as suas funções dentro de uma empresa. Se aperfeiçoar, adquirir novos conhecimentos, aprimorar-se, cuidar do visual, da saúde, e zelar por sua idoneidade são algumas características que o profissional deve possuir para fazer a diferença.


As empresas estão cada vez mais exigentes em relação aos seus colaboradores, procurando por pessoas dinâmicas e flexíveis, capazes de desenvolver o papel de coringa em muitas atividades. Hoje em dia, não basta cumprir os requisitos técnicos para determinada função, é preciso oferecer algo mais. Neste momento tão decisivo, o fator comportamental definirá a sua permanência ou não no mercado de trabalho.


Mas, afinal, o que é preciso praticar para ser um bom profissional? Confira abaixo alguns dos quesitos:

Capacitação

O profissional de sucesso mantém uma rotina de aprimoramento sobre sua área de atuação, envolvendo leitura, estudos, prática e acompanhamento das mais recentes novidades tecnológicas de sua profissão. Interessa-se pela empresa em que trabalha e demonstra isso no seu cotidiano ao envolver-se ativamente em sua busca do cumprimento das metas organizacionais.


Pro atividade Bons profissionais vão além de suas funções no ambiente de trabalho, ou seja, eles conseguem pensar e lidar com o trabalho e os problemas se adaptando rapidamente a eles e suas mudanças – equilibrando suas ações para não atropelar suas limitações ou colegas de equipe.


Foco e Motivação

Educação, inteligência, talento e habilidade são características importantes para um bom colaborador, mas o foco e a motivação que o torna excelente. Esses profissionais são movidos por algo mais profundo e mais pessoal do que apenas o desejo de fazer um bom trabalho.

Excentricidade

Os bons profissionais também costumam ser excêntricos. Não têm medo de serem diferentes e expandem naturalmente os próprios limites. Uma personalidade diferente ajuda a tornar o ambiente de trabalho mais descontraído e pode transformar uma equipe.


Bom senso

Os melhores profissionais são aqueles que fazem elogios em público e críticas em particular, esse é o bom senso. Sabem a hora e o momento para ambas as situações, seja com um colega ou um subordinado a ele na empresa.


Boa vontade

As vezes um projeto ou tarefa pode demandar mais tempo e estender-se além do horário. Por incrível que pareça, o colaborador de excelência não se estressa por ter de ficar um pouco a mais em seu ambiente de trabalho. Ele tem outro ponto de vista econômico-empregatício e são movidos pela realização profissional.


Trabalho em equipe

Ele é cordial e solícito com seus colegas de trabalho, contribuindo ativamente para a manutenção de um clima de efetiva colaboração.


Comprometimento

É pontual na frequência ao trabalho e no cumprimento das tarefas propostas e agendadas, evitando ao máximo questões externas à empresa.


Ética

O profissional zela por um comportamento ético, não dando espaço para comentários desnecessários ou fofocas. Ele sabe que as intrigas afetam negativamente a organização empresarial, diluindo suas relações internas e prejudicando a tão necessária sinergia.

Educação

Ele tem compromisso com a produtividade, não tornando-se um simples frequentador ou visitante da empresa. Demonstra no dia a dia que é fundamental à empresa, ao setor e para o trabalho que realiza.


Por fim, o profissional desejável por toda empresa é aquele que zela por sua aparência e apresentação, bom senso e noção de adequação no ambiente laboral. Sabe ainda, que embora o cuidado com roupas seja importantíssimo, um sorriso, um “muito obrigado(a)” e um “me desculpe”, é indispensável.


Você já pratica alguma dessas dicas? Deixe seu comentário contando-nos um pouco da sua experiência e o que achou deste post!


9 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo